top of page
  • rauanny5

Como gerenciar os pontos dos motoristas da frota?

Atualizado: 5 de jun. de 2023

Um dos grandes desafios para os gestores de empresas com frotas de veículos é acompanhar a pontuação de seus motoristas. Afinal de contas, além dos trajetos feitos durante o trabalho, os condutores também podem levar multas durante as viagens do dia a dia, fora do horário da empresa e com seus veículos particulares. E multas em excesso vão aumentando a pontuação dos motoristas e podem causar uma CNH suspensa por pontos!


Por isso, nenhum gestor deseja que seus motoristas fiquem com muitos pontos acumulados na carteira, não é mesmo? Um colaborador que precisa dirigir no trabalho e tem a sua CNH suspensa significa improdutividade, transtornos e, muito provavelmente, mais gastos.


É fundamental, portanto, que as empresas com frotas de veículos façam um gerenciamento constante da pontuação de seus motoristas. Quer saber como? Continue acompanhando nosso texto!


As mudanças na pontuação máxima (2021)


Antes de entrarmos na gestão dos pontos em si, é muito importante passarmos pelas mudanças do Código de Trânsito Brasileiro referentes ao novo limite de pontuação na CNH.


Você já deve ter ouvido por aí que essas regras mudaram, em abril de 2021. E provavelmente deve ter ouvido também que o novo limite de pontuação é 40 pontos, e não mais os 20 de antigamente. Mas fique atento, porque as regras não são assim tão simples!


Na verdade, a nova lei criou uma espécie de escalonamento no limite de pontuação dos motoristas. Dependendo da gravidade das infrações, a CHN pode ser suspensa com os mesmos 20 pontos de antigamente! Veja abaixo como ficaram as regras:


• Se não houver nenhuma infração gravíssima no período de 12 meses: pontuação máxima de 40 pontos na CNH.

• Caso haja uma infração gravíssima no período de 12 meses: pontuação cai para 30 pontos na CNH.

• Se houver duas infrações gravíssimas no período de 12 meses: o limite permanece em 20 pontos na CNH.


Existe também um outro detalhe importante nesta nova lei: para motoristas profissionais, ou seja, que têm a inscrição EAR (exerce atividade remunerada) na carteira, a pontuação máxima é sempre de 40 pontos, não importa a gravidade das infrações.


Esse é um outro motivo para você fazer uma boa gestão das CNHs de seus motoristas. Se todos eles estiverem com tudo em dia na inscrição EAR, você ganha um fôlego na pontuação dos seus colaboradores para evitar CNHs canceladas. Se algum de seus motoristas ainda não possui a inscrição EAR na carteira, oriente-os a ir com urgência ao Detran de sua cidade ou mesmo realizar esse procedimento online, nos portais do Detran, o que é muito mais rápido e fácil!


Como fazer o gerenciamento dos pontos dos motoristas da empresa?


Agora já entendemos um pouco sobre a nova legislação, e já sabemos também que monitorar de perto a situação da CNH dos condutores da empresa é importantíssimo para evitar o transtorno de ter um motorista com a carteira suspensa, além de evitar gastos. Então como podemos fazer um gerenciamento eficiente da pontuação da CNH dos condutores da firma?


Existem algumas opções para isso. Uma alternativa que é, digamos, mais manual, é acompanhar regularmente os extratos do próprio DETRAN com a pontuação dos condutores.


Essa consulta pode ser feita pessoalmente, nas próprias unidades do DETRAN, ou de maneira virtual. Esse acompanhamento é muito importante, porque ao baixar o extrato do DETRAN, você visualiza as multas que um motorista levou não apenas com o carro da empresa, mas também com seu veículo pessoal. Ou seja, fica sabendo com precisão total quantos pontos aquele condutor levou nos últimos 12 meses, quais estão perto de vencer etc.


O ideal é que você baixe o extrato de todos os motoristas da empresa com uma certa regularidade. Por exemplo, a cada mês ou a cada três meses. Se quiser evitar o trabalho de ter que baixar os extratos todas as vezes, você também pode definir em contrato que os próprios colaboradores devem apresentar este documento com a regularidade que melhor funcionar para sua empresa. Assim, você só se preocupa em acompanhar a entrega dos extratos e em contabilizar os pontos.


Se possível, automatize!


Outra maneira possível de gerenciar as multas de seus motoristas é encontrar um sistema ou software específico para este fim. Com ele, você pode cadastrar a CNH dos condutores e ter todas as informações referentes à categoria, qual veículo ele costuma dirigir e quando – o que ajuda na identificação do condutor em caso de multas –, idade, se o condutor assinou a política de frotas da empresa, entre outros. Também é possível configurar alertas para vencimento da carteira, gerenciar a pontuação de cada motorista e realizar várias outras funções.


Mesmo que você use um sistema de gestão da CNH dos motoristas, baixar os extratos do DETRAN continua sendo uma tarefa importante para monitorar a pontuação dos condutores em seus veículos pessoais, já que essas notificações não chegam para a empresa. Você pode fazer esta tarefa com a mesma regularidade sugerida anteriormente – a cada mês ou a cada três meses – e atualizar a pontuação de cada condutor no sistema.


Outras ações importantes


Além de fazer uma boa gestão da pontuação dos motoristas, outras ações são fundamentais para melhorar a produtividade da sua empresa no que se refere à frota de veículos. Por exemplo, promover treinamentos de conscientização no trânsito e de direção segura para evitar as multas – afinal de contas, menos multas sempre significarão mais eficiência e menos custos!


Outra ação muito indicada para empresas com frotas de veículos é ter um bom gerenciador de multas. Você sabia que um sistema desse tipo pode lhe ajudar a pagar as taxas causadas por infrações de trânsito com antecedência, ou seja, conseguindo o menor preço possível, e até mesmo anular multas indevidas?


Empresas de todo o Brasil estão conseguindo economizar custos com o gerenciador de multas completo e inteligente da Anula Multa. Temos anos de atuação no mercado e uma equipe de especialistas no assunto para entender em detalhes qual é a sua situação e como poderemos ajudar da melhor forma. Se interessou? Então entre em contato conosco e agende, de forma gratuita, uma demonstração de nosso gerenciador de multas!


67 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page